Cooperação em Ciência, Tecnologia e Inovação.

SETOR DE COOPERAÇÃO INTERNACIONAL

Cooperação em Ciência, Tecnologia e Inovação

Marco Normativo

Acordo básico de Cooperação Científica e Técnica entre o Governo da Republica Oriental do Uruguai e o Governo da República Federativa do Brasil, firmado no dia 12 de Junho de 1975.

Ajustes complementares ao Acordo básico, segundo a área competente.

Memorando de Entendimento para a Cooperação Científica, Tecnológica, Acadêmica e de Inovação entre a República Oriental do Uruguai e a República Federativa do Brasil, firmado no dia 30 de Julho de 2010.

Funções do Setor

Contatar as partes envolvidas na cooperação bilateral e cuidar do desenvolvimento dos acordos bilaterais em matéria de cooperação, assim como seus ajustes complementares.

Dar seguimento aos projetos em curso, em coordenação com a Agencia Brasileira de Cooperação(ABC), com as organizações multilaterais de cooperação com sede no Brasil, e com as áreas de Cooperação Internacional dos diferentes Ministérios, segundo à área competente

Identificar oportunidades e relevar possíveis conflitos na negociação de acordos de cooperação, incluindo o andamento dos projetos.

Realizar o seguimento das relações entre as Chancelarias e Ministérios envolvidos assim como com as agências nacionais de cooperação.

Estudar e informar as possibilidades de cooperação e promover o Uruguai como receptor e ofertante de Cooperação Técnica, em especial, no pertencente a cooperação em matéria de Ciência, Tecnologia e Inovação, e TV Digital.

NOTA: Maiores informações no telefone: (61) 3322-1200 ou através do e-mail: urubrasil@mrree.gub.uy (Setor de Cooperação Internacional).